Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




http://economico.sapo.pt/noticias/desemprego-em-portugal-regista-maior-queda-na-ue_200433.html

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:55

FNAC está a recrutar para nova loja em Oeiras

por Madalena Queirós, em 29.08.14
http://www.alertaemprego.pt/ver-ofertas-empregos/fnac/page-2/

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:47

A startup australiana Alphatise está oferecendo aos universitários o "melhor estágio do mundo", com um pacote de remuneração de até US$ 100 (equivalente a 75 mil euros) - sendo US$ 50 mil fixos e US$ 50 mil em ações da empresa. O sortudo ainda vai ganhar um carro, no valor de US$ 25 mil, um mil MacBook e um iPhone.
A startup, lançada na semana passada em Sydney, na Austrália, é um e-commerce que os consumidores sugerem o preço que quer pagar por um produto e negocia diretamente com o vendedor. A empresa emprega 33 pessoas e já arrecadou US$ 3,5 milhões.
O estagiário trabalhará por um ano na empresa, sendo os primeiros três meses experimentais. Ele ainda poderá escolher em qual área quer trabalhar: marketing, vendas ou na área técnica da empresa. "Estamos à procura de alguém que esteja ansioso para saber como funciona o nosso negócio, bem como trazer novas ideias", contou o co-fundador da startup, Ben Bowlan, ao site australiano News.com.au.
Como se candidatar
O interessado em participar do processo seletivo terá de gravar um vídeo de apresentação de um minuto, postá-lo no site da empresa e responder um questionário um tanto incomum, com perguntas como "qual música melhor descreve sua personalidade?" e "se você fosse o primeiro-ministro por um dia, o que você faria?".
Os candidatos serão selecionados pela qualidade e originalidade da produção do vídeo e o número de votos que receber da empresa.
Interessou? Acesse o site www.alphatise.com/internship.
Publicado em Folha de São Paulo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:30

Conselhos para mudar de carreira aos 40 anos

por Madalena Queirós, em 22.08.14
São conselhos publicados na Folha de São Paulo:
Para muitos, a decisão de que carreira seguir deve ser tomada aos 20 e poucos anos. Porém, nem sempre a profissão escolhida agrada e as pessoas tendem a mudar de opinião e gostos ao longo do caminho.
Por isso, não é raro as pessoas que chegam as 40 anos, se veem infelizes com as suas escolhas e querem mudar de carreira, mas não sabem como. Segundo o coach de carreira, Maurício Sampaio, essa sensação tão forte que chega nessa etapa da vida, em grande parte da população entre 37 a 45 anos, é considerada normal pelos estudiosos no assunto.
"De acordo com alguns autores, é a fase chamada de estabelecimento e manutenção. Trata-se de um período em que as pessoas param para rever o que construíram até o exato momento, preocupam-se mais com seu autoconceito e analisam o que realmente querem para os próximos anos", explica.
Ou seja, é praticamente um período de balanço, assim como se faz nas grandes empresas: parar, analisar, refletir e agir novamente. Busque separar o que valeu e não valeu a pena, aonde colocar mais esforços e tomar decisões estratégicas para viver com plenitude nos próximos anos.
"Para alguns profissionais, o que pesa foi o tempo fora de casa e longe da família, pois nessa idade se percebe que as horas diárias dedicadas ao trabalho superaram as horas de contato com os filhos. Com isso, muito acabam contraindo um sentimento forte de culpa", afirma Sampaio.
Outro aspecto que faz com que essa fase seja mais reflexiva é porque muitos, por mais que estejam satisfeitos financeiramente, ainda acreditam que não estão se sentindo completos e realizados. É muito comum ver exemplo de profissionais bem sucedidos que acabam utilizando suas economias para causas beneficentes, apadrinhando ONGs e projetos sociais.
Vale lembrar que o mercado de trabalho mudou, as oportunidades mudaram, a tecnologia abriu portas para que as pessoas exponham seus talentos e habilidades. Além disso, o que não falta são opções para empreender.
A dica do coach para ajudar na escolha é a equação 70%/30%. "Ao decidir por qualquer atividade, tenha sempre em mente que 70% dessa nova ocupação deve lhe dar prazer, e 30% são os afazeres essenciais, que devem ser cumpridos para que os 70% funcione".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:02

Saiba quanto se ganha no Brasil

por Madalena Queirós, em 21.08.14
os salários de um responsável por uma área de uma empresa, médicos e engenheiros podem chegar aos dez mil reais, cerca de 3300 euros. Já um jornalista ganha em média 2200 reais, o que representa cerca de 730 euros. Pode consultar quanto se ganha em cada profissão em :
http://home.catho.com.br/profissoes/

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:51

Oportunidades de emprego no Brasil

por Madalena Queirós, em 18.08.14
Apesar do crescimento económico estar muito abaixo do esperado há muitas oportunidades de emprego no Brasil.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:59

http://videos.sapo.pt/Ld41qsS90Sg79TFHFN8u

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:49

http://economico.sapo.pt/noticias/novo-erasmus-iberoamericano-da-200-mil-bolsas_198767.html

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:13

Deus é brasileiro! Good is brasilian!

por Madalena Queirós, em 01.08.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:01

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:54


Sobre a autora

Madalena Queirós, jornalista especializada há mais de 20 anos nos temas de Ensino Superior e Emprego. Apresenta também o programa Capital Humano, no Económico TV, e fundou e edita o suplemento Universidades & Emprego do Diário Económico.

Neste blog vai encontrar ferramentas para controlar o rumo da sua carreira.

Links

Onde procurar emprego

Nas notícias



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D